Redes Sociais

Anuncio

Celular

Operação Salva Semestre

Celular

Quanta Gente.

Pesquisar neste blog

quarta-feira, 13 de julho de 2011

A revolução Iraniana

A Revolução IRANIANA
O que a revolução iraniana procurava implementar?
Por: Bruno P.F


 

Ao final da primeira guerra o oriente começou a se rebelar com as políticas dos países ocidentais entre os principais a França e a Inglaterra, o povo do Irã não estava confortável com suas vida sendo explorando por uma monarquia cada vez mais ocidentalizada, houve então uma forte oposição contra o Xá líder do Ira, mas  com a chegada da segunda guerra a queda do Xá foi adiada  após a  guerra a crise veio a tona de novo.  O Xá que apóiava durante a guerra os nazistas, vê em condições difíceis e em 1941 tropas britânicas e russas ocuparam o Irã.
A economia do Irã entra em crise após a segunda guerra, o povo não suportava o estado de miséria que vivia, e vendo o luxo que o Xá, se encontrava, o povo foi buscar na religião uma solução, nesse momento as mesquitas e os aiatolá ganham força entre o aiatolá Khomeini ganha força por sua oposição ao sistema estabelecido e por sua liderança, começa então o estado de  rebeliões que se espalharam pelo Irã nesse momento  uniram  os nacionalista  e os lideres religiosos, a rebelião foi aterrorizante. 
O Xá foge com sua família e a nova constituição declarou  o aiatolá Khomeini líder supremo do Irã, nesse processo a revolução procurava implementar além de um líder e de novas leis  reformas propostas pela Sharia livro de leis dos mulçumanos que foi introduzida nesse novo estado que passava de estado secular para um estado religioso mulçumano governado pelas leis  do islã, que seria a Sharia.
Esse estado religioso que ganha força na segunda metade do século XX, onde cada vez mais países saiam de sistemas opressores, para sistemas democráticos, o estado Islâmico se torna um dos pouco estados religiosos do mundo moderno. O Irã se apresenta-se cada vez mais para o mundo com um estado ditatorial, desta forma durante os anos o mundo ocidental não o vê com simpatia, o Irã passa a aumentar a tensão pois investe num programa nuclear grande, as nações ocidentais principalmente os estados unidos não querem que o Irã desenvolva um arsenal nuclear.
Portanto apesar do povo ter feito a revolução contra um regime autoritário e luxuoso que não ouvia a população, o novo governo que veio a assumir no Irã usava da prerrogativa divina para legislar para população, gerando no mundo moderno um mal estar. Nos últimos anos procurando resolver a questão do Irã  o Brasil e Turquia procurou um  tentaram fazer que o Irã, cooperasse com as normas nuclear da nações unidas, mas mesmo assim os estados unidos entraram em contradição e não apoiou o tratado proposto pelo Brasil e Turquia no final resultou em mais atrito de estados unidos e Irã.

Bibliografia

História Viva: Enciclopédia Ilustrada da História, Tempos Modernos, 1960 até o presente, editora Duetto, 2010.

2 comentários:

  1. No irã houve uma simples troca de ditaduras, caio a coroa e entrou a mesquita.

    parabens pelo blog

    ResponderExcluir
  2. Parei de ler no "ouve" sem "h"...

    ResponderExcluir