Redes Sociais

Anuncio

Celular

Operação Salva Semestre

Celular

Quanta Gente.

Pesquisar neste blog

segunda-feira, 30 de julho de 2012

A História da Pré-História





Por: Bruno Ferreira


A pré-história e o período determinado pelos historiadores e arqueólogos como sendo o período do surgimento do homem primitivo, ou seja, dos primeiros hominídeos da espécie humana até a invenção da escrita com o aparecimento das primeiras civilizações.
A várias críticas sobre esse período, um dos motivos e pelo homem não fazer parte da pré história, mas conclui-se também que o homem independe da escrita para fazer parte da  história.
Sabendo que esse termo, é apenas um termo e que o homem sempre existiu antes ou depois da pré -história, Independiente do uso da escrita.
Para estudar o período pré-histórico outros estudiosos além do historiador procura estudar o que os homens do passado fizeram esses são conhecidos como arqueólogos e paleontólogos.
A arqueologia busca fazer pesquisa com objetos pré-históricos como instrumentos de pedra e metal, peças cerâmicas a paleontologia humana  busca o estudo de fosseis como ossos, dentes e partes resistentes como objetos e utensílios.
A pré-história tem suas subdivisões como paleolítico, neolítico e idade dos metais o primeiro corresponde o período das primeiras formações de grupos tribais que buscavam através de materiais feitos de pedra como machados, facas, perfuradores e raspadeiras mas a maior invenção do paleolítico foi o domínio do fogo essa foi a grande conquista dos homens desse tempo, vencendo dois grandes perigos desse tempo o frio e a fome.
Com o domínio do fogo a organização social surge ai a vida sedentárias ou seja o homem começa a se fixar nos lugares como clãs formando conjunto de famílias cujos os membros descendiam de ancestrais comuns, sendo cada clã independente e autossustentável o trabalho era útil apenas para a busca de alimentos sendo o resto do tempo preenchido com danças, festas e cerimônias com isso a manifestação artística do homem também  despertado a criação de pinturas na caverna conhecidas hoje como pinturas rupestres de alguma forma estudiosos acreditam que a atividade artística era ligada a vida religiosa.
No período paleolítico ocorre outra revolução que daria inicio as primeiras civilizações que foi a revolução agrária ou agropastoril o homem passou a plantar e a intervir na produção de alimentos cultivando plantas e domesticando animais desta forma a produção passou não ser coletora, mas produtora representando uma revolução cultural na historia humana.
Com grande fartura de alimentos automaticamente aumenta a natalidade e o assim o crescimento da população terrestre tendo estimativas de que a 10 mil a.C  havia 5 milhões de pessoa e que meados perto da civilizações a população terrestre chegava a 300 milhões, certo que esses números são estimativas.
No período Neolítico podemos destacar o aperfeiçoamento dos instrumentos de pedra passando a ser feita de pedra polida dando um melhor acabamento, surge também a cerâmica que é empregada ao cozinhar, a tecelagem onde o homem passou a fiar  e tecer tendo desta forma vestimentas, surge como abrigo não mais a caverna mas a casa e com isso os primeiras aldeias, o home se torna sedentário.
Para responder aos fenômenos da natureza o homem busca formas de responder certos porquês algo que era invisível como a variação do tempo, a fertilidade do solo, a saúde, entre outros fenômenos naturais para enfrentar certas intempéries climáticas se da origem as primeiras religiões.
Outra grande importante invenção do neolítico foi o aparecimento da roda não exatamente como conhecemos nos dias de hoje, eram na verdade tora rolantes que poderiam transportar  enormes blocos de pedra.
A terceira etapa da pré-historia e a idade dos metais caracteriza pelo processo difusão dos metais conhecidos hoje como cobre, bronze e ferro, surge à metalurgia e a partir daí os objetos ficam mais resistentes e mais leves, portáteis isso graças ao processo de fusão dos metais com isso os objetos como: metal, panelas, vasos, enxadas, machados, pregos, agulhas, laças e espadas passam a ser fabricados pela fundição de metais.
Dentro da idade dos metais subdivide-se em três etapas cobre, bronze e ferro a  idade do cobre representou o caminho para uma nova transformação essa matéria prima representou o caminho pelo qual o homem deveria caminhar não substituindo  o bronze totalmente,  a metalurgia do bronze era empregada em confecções de instrumento como espadas, lanças e martelos a fundição do bronze deu inicio as primeiras cidades.
A metalurgia do ferro da inicio a meados de 1500 a.C tornando-se cada vez mais complexa com o desenvolvimento das civilizações.
Com o inicio da civilização começa um novo estagio da vida social humana ocorre com isso transformações culturais o aparecimento de classes sociais que da o aparecimento da desigualdade social surgindo explorados e exploradores.
Organizando um governo para controlar as classes sociais e manter uma força militar, a divisão social do trabalho foi de fundamental importância para o processo de desenvolvimento e evolução social.
Aumento da produção econômica com o desenvolvimento da agricultura e da criação de animais e do artesanato propiciando  um crescimento econômico e de bens utilizando para a trocas comerciais.
As relações sociais se desenvolve com o surgimento de sociedade privada não sendo mais coletiva modificando para um sociedade em que o espírito de competição faz parte da cultura de uma sociedade privada, o acumulo de bens faz diferenciar as pessoas, nascendo daí as relações de poder criando assim minorias mais poderosas do que maiorias.
O surgimento dessas primeiras civilizações e conhecido hoje como crescente fértil que localiza entre o oriente médio e o nordeste da áfrica, as sociedades se desenvolveram em uma região de solos férteis próximo a rios de grande importância, mas a grande ferramenta de introdução de uma civilização e cultura foi o surgimento da escrita proporcionando assim a continuidade e o armazenamento da sabedoria que faz surgir um processo de criação maior e melhor.
Portanto vemos que a pré-história é a base de todo o nosso crescimento intelectual e cultural com o desenvolvimento de técnicas e de conceitos com o aparecimento de culturas que proporcionou para a civilização humana de hoje maior enriquecimento e sabedoria, pois sem elas a nossa criação social seria de outra forma podendo ser pior ou melhor.



Nenhum comentário:

Postar um comentário