Redes Sociais

Anuncio

Celular

Operação Salva Semestre

Celular

Quanta Gente.

Pesquisar neste blog

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

A História da Vida Privada nos dias de hoje. O que é Vida Privada?





Por: Bruno Ferreira


A vida privada é aquilo que acontece cotidianamente e exposta ao olhar da família, dos amigos, dos conhecidos nisso e bom separar a vida privada da “vida secreta” que é revelada parcialmente a algum confessor como psicanalista, padre ou amigo e também existe a vida estatutária a pessoa que chegou a um cargo de prestigio e de confiança como presidente, ator, esportista ou uma grande personalidade independente da profissão.
Em eleições passadas disputadas entre Fernando Henrique e Jânio quadros para a prefeitura de São Paulo foi tirada uma foto de FHC na cadeira de prefeito o qual era seu amigo imediatamente essa foto foi parar na imprensa e FHC perdeu as eleições para prefeito, podemos falar desse episodio como a quebra da vida privada ou “a vida privada violada” pelo sistema midiático, a pessoas que reage de forma diferente, outras a casos as pessoas são extremamente agressivas, outras maleáveis e superam o episodio.
Podemos perceber que existem dois “eus” um “eu” intimo, e um “eu” de aparências e papeis que assumimos esse ultimo chamado “estatutário”,  durante a história percebe-se de que existe uma  particularidade do tempo e do lugar de formas diferentes aquilo que acontece no cotidiano da maioria das pessoas, estudado pela história do cotidiano ou história da vida privada, e aquilo que é estudado no eu intimo conhecido estudado pela psicologia, a história tem o dever de investigar os fatos do tempo passados para tentar responder as perguntas do tempo presente e do futuro.
A História tenta abordar as ações não apenas políticas, religiosas, culturais, mas agora tenta num presente recentes abordar a historia da vida privada e do cotidiano, o que nos últimos 30 anos ouve uma revolução em campos tecnológicos que influenciaram a vida humana como as inovações em internet, celular, genética e o surgimento de novas doenças como a AIDS.
No campo da tecnologia a história desses pequenos aparelhos domésticos avançou muito parece que foi a pouco tempo que usávamos apenas o telefone fixo inventado por Graham Bell, onde um aparelho transmitia por uma linha elétrica um sinal da sua voz que chegava a outro aparelho idêntico, os anos passaram e essa transmissão passou a ser transmitida por apenas sinal sonoros invisíveis, no começo com aparelhos grandes e caros e poucas pessoas podiam utilizar, mas com o tempo esses aparelhos se tornaram pequenos e baratos ganhando o mundo hoje bilhões de pessoas utilizam os famosos celulares ou telemóveis  o mundo está na palma da mão com o avanço da internet.
A internet que passou por uma revolução na segunda metade do século XX saindo do campo militar ganhando o mundo das universidades americanas e revolucionada por Bill Gates e outras pessoas menos conhecidas o computador passou de um aparelho enorme para algo que carregamos na palma da mão, essa revolução capitalista tecnológica revolucionou e revoluciona constantemente as nossas vidas facilitando o dia a dia e fazendo construir uma história da vida privada, mais do que isso a revolução tecnológica chegou aos governos com sites que facilitam a vida do cidadão até mesmo no voto, onde o cidadão vai votar em urnas eletrônicas em questão de horas os resultados aparecem e o candidato ao cargo público e reconhecido pela população.
No cotidiano dos dias de hoje a internet é fundamental e na vida privada de cada ela faz parte hoje lojas grandes e pequenas tem sites para mostrar o seu produto ou até mesmo vender, sendo entregue o produto via correio o avanço do aparelho computador foi de tal forma que hoje telefone e internet andam juntas em um tablet que é do tamanho de uma folha de caderno ou até menor.
O que á mais de privado na vida privada de cada pessoa é a genética o homem é fruto de combinações genéticas de seus pais e do meio em que vive, seja ele quem for filho do mais rico ao mais pobre, ele não escolhe a cor dos seus olhos nem o seu tamanho a partir de suas características genéticas o meio que ele nasce e vive ira orientar e formar esse cidadão.
A genética evoluiu muito nas ultimas décadas de tal forma que produz espécies transgênicas capazes de resistir a determinada praga graças a mudanças feitas em laboratório, um dos casos mais famosos do mundo é da ovelhinha Dolly que foi clonada ou seja reproduziu outra ovelha igual a primeira.
Hoje é possível o homem modificar sua própria espécie em laboratório, mas em 1997  a ONU  adotou “ Declaração Universal Sobre o Genoma Humano e os Direitos Humanos” elaborada e debatida por anos, pelo comitê internacional de Bioética.



A sociedade atual sempre acolhe com hostilidade as ideias novas, particularmente na área da reprodução. O medo do desconhecido, suscitado pela contracepção, fecundação invitro, conservação de embriões, engenharia  genética, entre outros, doação de embriões, engenharia genética, entre outros, revelou-se amplamente infundado (...). A introdução de genes no homem poderia servir para melhorar a qualidade de vida do receptor ou, por exemplo, prolongá-la (...). Tais possibilidades passiveis de assumir uma importância e uma utilidade consideráveis para as gerações futuras, não deveriam ser apressadamente descartadas.



As questões da vida humana que faz parte da historia do cotidiano do homem cada vez é mais compreendida de uma forma jornalística e pouco pesquisada pelos historiadores capazes de levar a luz a situações parecidas ocorridas no passado a questão da genética está para hoje, como a questão de que o mundo seria redondo, hoje sabemos que a terra é um globo mas no passado essa era uma duvida cruel a genética não deixa de ser uma duvida cruel o que devemos fazer com a descoberta de tanta tecnologia tanto eletrônica como no campo biológico, está é uma duvida cruel.
            A AIDS essa foi uma doença que abalou a vida privada e o cotidiano do homem nos últimos 30 anos, a AIDS que surge em meados de 1980 e alastrou pelo mundo, e foi um choque para a classe media, provocou também reações ambíguas  e de desconfiança nas pessoas, em relação aos homossexuais onde acreditava que todo homossexual seria aidético chegou a conclusão que a doença e transmitida por transfusão de sangue e por outros meios, hoje a pessoa de AIDS vive quase que normalmente tomando remédios fortes ela consegue desenvolver uma vida comum e diminuiu muito a proliferação dessa doença, graças a campanhas promovidas por governos do mundo inteiro com o uso de camisinhas em relações sexuais.
            Portanto podemos concluir nessas primeira etapa que a mudança ocorridas nas ultimas décadas relacionadas a tecnologia e avanço na genética e a descoberta de novas doenças fazem parte a vida privada e do cotidiano da vida humana e que cabe estudo por parte dos historiadores pois a história humana do presente está muito bem descrita pelos jornais e telejornais mas pouco relacionada ao passado e as transformações ocorridas durante o tempo e que cabe ao historiador fazer uma busca continua dessas transformações, trazendo e ressuscitando o passado como forma de ajudar o presente e o futuro.

Bibliografia

História da vida privada, 5: Da primeira Guerra e nossos dias/ organização Antonie Prost, Gérard Vincent; tradução Denise Bottmann; Dorothée de Bruchard, posfácio - São Paulo: Companhia das Letras, 2009.

Nenhum comentário:

Postar um comentário