Redes Sociais

Anuncio

Celular

Operação Salva Semestre

Celular

Quanta Gente.

Pesquisar neste blog

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

O Culto ao Corpo ao longo da História




Por: Bruno Ferreira

O começo do culto a forma física perfeita surge na Grécia onde a preocupação com a forma física era de extrema importância para os gregos que buscavam ter uma capacidade intelectual e física tendo como lema “mens sana in corpore sano” (mente saudável em corpoo).
Após a Era Clássica, na Idade Média, as questões estéticas e o físico ficaram relegados ao segundo plano. Durante essa época, o corpo foi tratado pela sociedade de forma discreta, com todo o decoro exigido pelas crenças religiosas, e de acordo com as leis divinas.
Apenas com a chegada da burguesia ao poder no século XVIII e que o papel do corpo volta a ter destaque na sociedade européia ocidental
De acordo com o psicólogo Fernando de Almeida Silveira, doutor em Filosofia e professor da Universidade Federal de São Paulo, com a queda da aristocracia européia, a burguesia foi se auto-afirmando por meio de uma nova relação corpo-essência. "Se os nobres tinham suas origens genealógicas como diferencial, a burguesia passou a desenvolver a noção de um corpo disciplinado, saudável e longevo para se destacar tanto da aristocracia decadente quanto do proletariado promíscuo e desregrado".
Outro fator que fez o corpo ser levado como destaque na sociedade ocidental foi o motivo da ascensão do sistema capitalista que buscava que visava a busca de um corpo capaz de fornecer uma maior produtividade pouco tempo depois meados do século XIX surge as primeiras escolas de ginástica européia, que difundia a idéia de um corpo saudável por meio de ginástica.
No século XXI o crescimento da mídia fez surgir à indústria da beleza que produz novos padrões de beleza a sociedade tornando-se obsessão em todo mundo principalmente nas classes mais ricas. Hoje cada vez mais pessoas buscam formas de transformar o físico, em busca da perfeição de acordo com os padrões.

Segundo Alviano, essa intensificação do culto à estética já traz danos notórios para a sociedade. "Doenças como anorexia, bulimia e vigorexia [transtorno caracterizado pela prática de exercícios físicos em excesso] tomaram um vulto assustador. Muitos colocam suas vidas em risco, consumindo remédios para emagrecer e anabolizantes ou até mesmo fazendo cirurgias desnecessárias
Para o psicólogo Fernando de Almeida Silveira, o maior prejuízo da valorização exagerada da boa aparência é o fortalecimento da concepção de corpo-objeto. "As pessoas passaram a enxergar o corpo hoje como uma coisa moldável, conforme certos padrões estéticos, fomentados por uma pressão social de classe. Nesse sentido, o físico, os sentidos e a alma são massificados por conta dessa ditadura de idealização da beleza". Alviano completa: "Com essa transformação do corpo em coisa, o próprio indivíduo se reduziu a um objeto, que só possui valor como ostentação dentro dos padrões preestabelecidos".
Portanto a busca por um corpo idéia se faz cada vez mais presente na mídia nessa busca a de haver cuidados para que não se torne uma doença ou um exagero, por outro lado faz nascer entre os estudiosos um sentimento de exclusão para com aqueles que não pratica a busca de um corpo perfeito excluindo pessoas de grande inteligência dos meios de convívio e impondo padrões de beleza em lugar de padrões de inteligência, por fim o melhor corpo ideal e estar bem consigo mesmo.

Bibliografia
http://www.metodista.br/cidadania/numero-59/a-sociedade-do-culto-ao-corpo-perfeito


terça-feira, 24 de janeiro de 2012

A Pirataria de Ontem e de Hoje




Por: Bruno Ferreira

A pirataria surge como um sujeito que de forma autônoma e organizada cruza os mares apenas com o fato de mover pilhagens e saques a cidades para desta forma obter riqueza e poder, o tipo de pirataria histórica mais conhecida é a pirataria feita por piratas no caribe e cuja grande auge que foi entre os séculos XVI e XVIII.
O primeiro a usar o termo pirataria foi Homero quando os piratas pilhavam cidades costeiras na Grécia, embora hoje em dia seja aplicado o termo para qualquer um que viole alguma coisa como a pirataria da informática.
Nos primórdios os piratas pilhavam navios que levavam riquezas, desta forma roubavam os seus tesouros, os primeiros piratas foram os gregos que roubavam os assírios e os fenícios mas tarde na idade media os normandos foram os piratas da vez, que atuavam nas ilhas britânicas, França e império germânico, mais tarde a pirataria se espalhou no mundo moderno chegando por fim a caribe, havia também entre os piratas um código de ética composto por regulamentos que eles obedecem de forma a manter uma organização mínima.

A população de piratas era composta por todos os tipos de pessoas desde os negros, como mulheres e escravos, no auge a pirataria controlava importantes cidades no caribe por fim a pirataria foi combatida por navios de guerra e sumiu no século XX ela esta concentrada nas regiões do sudeste asiático e em partes do caribe.
Os piratas eram hábeis a recolher bens e riquezas espantosas nas suas incursões no oceano. As principais riquezas obtidas pelos piratas eram metais preciosos (ouro e prata), dinheiro, jóias e pedras preciosas. Mas a maioria pilhagens era feita aos mercadores, de quem roubavam linhos, roupas, comida, âncoras, cordas e medicamentos. A carga pilhada aos mercadores incluía artigos raros, tais como especiarias, açúcar, índigo e quinina.
A tortura, a queima e a mutilação eram castigos comuns que os piratas davam às suas vítimas, praticando verdadeiros atos de crueldade, e até gostavam de ver o sofrimento dos outros, a tortura era um meio de extrair informações da vitima.
Nos tempos atuais a pirataria ou pirataria moderna, como alguns denominam, é a prática de vender ou distribuir produtos sem a expressa autorização dos proprietários de uma marca ou produto. A pirataria é considerada crime contra o direito autoral, a pena para este delito pode chegar a quatro anos de reclusão e multa.
Os principais produtos pirateados são roupas, calçados, utensílios domésticos, remédios, livros, softwares e CDs. A pirataria, considerada por muitos especialistas como o crime do século XXI, atualmente movimenta mais recursos que o narcotráfico. O crime é financiado, em sua maioria, por grandes grupos organizados e máfias internacionais.
Por fim mais recentemente a pirataria foi lembrada de forma de entretenimento pelos cinemas com o filme Piratas do Caribe, que teve repercussão no mundo inteiro fazendo grande sucesso, no elenco do filme fazia parte o ator John deb de forma muito lúdica e divertida.
Fatos recentes vem ocorrendo no campo da internet um site foi fechado com o crime de pirataria esse site era um dos sites de download mais famoso do mundo fez a prisão de seus donos mais outro fato esta repercutindo muito na mídia internacional o projeto de lei SOPA que vem causando furor internacional pela forte censura a meios que estejam praticando algo ilícito do ponto de vista do autor o projeto parece legitimo do ponto de vista critico o projeto e autoritário e reprime a liberdade de expressão esse projeto esta no congresso dos Estados Unidos.


Nota:

 Desde já nos do História Interessante somos contra o projeto de Lei SOPA que possibilita e reprime o direito ao acessoa a informação, educação e cultura por isso o nosso site sempre a favor da legalidade e deste modo autorizo a copia de qualquer informação do site desde seja postado os creditos do site historiabruno.blogspot.com, autor Bruno Ferreira.


segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

A República Romana O Poder da Plebe Ontem e Hoje.




Por: Bruno Ferreira

Quando Roma passou seu sistema político de monárquico para republicano conservou alguns valores como senado onde fazia parte um grupo de anciãos com o poder de tomar decisões.
Em cada assembléia elegia dois cônsules cujo objetivo era de evitar o despotismo, nos primórdios da republica romana foi dominado por dois grupos de cidadãos os patrícios que era a elite dona de grande quantidade de terras e a classe baixa os plebeus.
Os primeiros dominavam a política e com isso os plebeus revoltaram contra o sistema que estava imposto no ano de 494 antes de cristo levou a criação de uma assembléia de plebeus com dois tribunos eleitos anos mais tarde esses tribunos tiveram o poder de veto sobre leis vindas do senado.
Em 445 antes de cristo os direitos dos plebeus foram adquiridos através das leis das doze tabuas e no ano de 366 antes de cristo elegeu se o poder o primeiro plebeu como cônsul.
Vemos que tanto no passado como agora a “plebe” classes mais baixas na ordem social vigente de cada época chega ao poder vemos que do ponto de vista social isto significa muito para a classe que chega ao poder nos dias hoje vemos que mais recentemente a classe que chegou ao poder no Brasil foi a classe dos trabalhadores através de um partido político representado por um líder sindical que chega a presidência do ponto de vista histórico e um grane ganho de representatividade em uma republica democrática como a do Brasil.
Porem as promessas de reforma do sistema para evitar corrupções e acelerar o crescimento dos pais foi invalidas, ocorrendo o que ocorre sempre quando um grupo político menos favorecido chega ao poder apenas os beneficiados são os que detém o poder, no Brasil algumas avanços o governo conseguiu fazer do ponto de vista social mas do ponto de vista ético foi um fracasso.

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Pearl Harbor

Pearl  Harbor

Por: Bruno Ferreira

No ano de 1940 o presidente norte americano Delano Roosevelt alarmou-se quando os japoneses se estabeleceram firmemente em um novo território ocupando o norte da Indochina em julho de 1940.
Enquanto isso os japoneses pressionados por uma nova investida contra os estados unidos afim de minar sua capacidade militar antes que pudessem reagir ao crescente avanço do Japão no pacifico assim em dezembro de 1941 o imperador japonês Hirohito aprovou a ordem de um ataque a ilha de Pearl Harbor a então principal base americano no pacifico.
Os americanos foram pego de surpresa com o poderoso ataque a Pearl Harbor a grande força tarefa japonesa começou o ataque em 07 de dezembro, essa força era composta por seis portas aviões.
Dezoito embarcações da marinha americana foram afundadas, inclusive oito navios de guerra e 400 aviões foram destruídos, nesse combate o Japão perdeu apenas 29 aviões, a única noticia boa, era que os dois únicos porta aviões da marinha americanos não estava em Pear Harbor.
No dia seguinte o congresso dos E.U.A declararam guerra ao Japão, logo três dias depois a Alemanha grande potencia e a Itália declaram guerra aos estados unidos.
Por fim os vencedores da segunda guerra foi os estados unidos e os aliados a ela a partir desse episodio vemos que os Estados Unidos entra na segunda guerra pra valer e a partir daí a guerra toma outro rumo e os estados unidos surge como grande potencia, vale lembrar que mais recentemente Hollywood fez um grande filme com o mesmo nome “Pear Harbor”.




quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Violência da idade Media x Mundo contemporâneo




Por: Bruno Ferreira

A idade media foi um período de obscuridade para alguns historiadores e para outros um período de quebra de estruturas antiga e formulação de uma nova estrutura o feudalismo.
Nesse processo vemos o surgimento de vários estados por toda Europa cada qual com seu Rei o principal estado foi o estado Franco que propunha uma nova solução para a violência que ocorria por estradas um período de terror onde os saques eram comuns surge o feudalismo.
Onde consistia a formação de feudos onde o senhor feudal possuidor de um exercito garantiria a proteção dos servos por meio de um exercito, onde teria  terras seguras tudo isso em troca o senhor feudal queria sua obediência civil religiosa e econômica, ou seja todos os recursos seriam entregues ao senhor feudal.
As muralhas dos castelos fez surgir feiras e os burgos nascia a burguesia que vinha do campo para as pequenas vilas, a sociedade feudal foi caindo e o comercio e os estados absolutos surgiram.
Fazendo uma comparação com os dias de hoje vemos que em as cidades tornaram violentas e os cidadãos ficaram ilhados em condomínios o direito de ir e vir e prejudicado no estado contemporâneo pela violência de vândalos que usam drogas e por assaltantes que procuram roubar, tudo isso pela produção de um sociedade injusta que a burguesia fez nascer com o capitalismo vendo tudo isto vemos que os que possui algum dinheiro procura a proteção em condomínios e os pobres nada tem a fazer.  Portanto tanto o passado como o futuro pode refletir como a história funciona ela não repetira exatamente igual mas as semelhanças ficam.

sábado, 14 de janeiro de 2012

A História da Sexta Feira 13


A História da Sexta Feira 13



Por: Bruno Ferreira

A sexta feira 13 é relatado como dia de má sorte e considerado o numero 13 numero irregular sinal infortúnio. A sexta feira foi considerada também o dia em que Jesus cristo foi crucificado e por isso e considerado um dia de azar e somando o numero 13 com a sexta tem um dos piores dias da semana.
Em outras culturas e mitologia a sexta feira 13 também e considerado dia de má sorte, mas no cristianismo está associado com o dia de morte de Jesus e também com a santa ceia onde havia 13 pessoas na mesa e depois dessa ceia ocorreu à morte de duas pessoas Jesus e Judas.
Existem histórias remontadas também pela mitologia nórdica. Na primeira delas, conta-se que houve um banquete e 12 deuses foram convidados. Loki, espírito do mal e da discórdia, apareceu sem ser chamado e armou uma briga que terminou com a morte de Balder, o favorito dos deuses. Há também quem acredite que convidar 13 pessoas para um jantar é uma desgraça, simplesmente porque os conjuntos de mesa são constituidos, regra geral, por 12 copos, 12 talheres e 12 pratos.
Segundo outra versão, a deusa do amor e da beleza era Friga (que deu origem a frigadag, sexta-feira). Quando as tribos nórdicas e alemãs se converteram ao cristianismo, Friga foi transformada em bruxa. Como vingança, ela passou a se reunir todas as sextas com outras 11 bruxas e o demônio, os 13 ficavam jogando pragas aos humanos. Da Escandinava a superstição espalhou-se pela Europa
Também faz parte hoje do imaginário popular associando o dia da sexta feira 13 a coisas paranormais e sobrenaturais como lobisomem e mula sem cabeça, bruxas, fantasmas e outros seres sobrenaturais.

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

A Mitologia na Atualidade


A Mitologia na Atualidade



Por: Bruno Ferreira

Foi o tempo que a mitologia era chata e suas histórias nada tinham a ver com a vida do homem atual, na verdade ela nunca foi tão explorada por filmes, series e livros contadas de diferentes formas e reproduzida por várias pessoas a mitologia pode não ser real mas para muitos fazem parte descreve de alguma forma um pouco da realidade humana mostrando diversas formas do homem ser.
O que é mitologia?
A Mitologia  é o estudo de mitos, lendas e a interpretação dos mesmos em alguma cultura. Mitos são histórias populares ou religiosas complexas, com vários pontos-de-vista, das pessoas que viviam na época em que os mitos foram criados. Normalmente é uma narrativa, na qual se usa a linguagem simbólica, e que busca retratar e descrever a origem e suposições de alguma cultura, explicar a criação do mundo, do universo, ou qualquer assunto de difícil explicação.
Os mitos geralmente retratam o mundo como ele era antes de o conhecermos. O tempo, o lugar e os personagens sobrenaturais e divindades fizeram com que muitos mitos tivessem um cunho religioso, sendo que em algumas religiões restam alguns resquícios mitológicos.
As mitologias mais conhecidas são a grega e romana que influenciaram a concepção do mundo na sua época mas existem outras mitologias em cada civilização são a mitologia egípcia, mesopotâmica, nórdica, hindu, africana, persa, fenícia e germânica essas são as mais conhecidas e tambem existe as menos conhecidas.
Como a Asteca, Maia, Etrusca, Eslava, Iurubá, Babilônica, Africana, Bantu, Chinesa, Japonesa, Havaiana, Guarani, Malaia, Navajo, Suméria, Judaica, Islâmica, Inca, entre outras.
Nos últimos anos  filmes de Hollywood vem explorando a mitologia mas conhecida a Grega podemos citar o filme recém lançado Imortais que aborda a história do semi deus Teseu a história e sobre: O Rei Hipérion (Mickey Rourke) declarou guerra contra todo o mundo grego e, para reforçar seu exército, ele tentará libertar os Titãs presos por Zeus (Luke Evans) no Monte Tártato. A fim de detê-lo, Zeus escolhe Teseu (Henry Cavill), um mortal que, com a ajuda de uma bela sacerdotisa (Freida Pinto), comandará o exército grego nessa batalha épica.
A mitologia e a religião na antiga Grécia eram as mesmas coisas Pode-se dizer que na Grécia Antiga a religião era politeísta, pois os gregos adoravam a vários deuses. Não existem escrituras sagradas (como a Bíblia para os cristãos) a respeito da Mitologia Grega. As principais fontes a esse respeito foram escritas no século VIII a.C. por Hesíodo (Teogonia), e por Homero (Ilíada e Odisséia). Na Teogonia são tratadas a origem e a história dos deuses gregos. Nas narrativas Ilíada e Odisséia são descritos os grandes acontecimentos envolvendo heróis e deuses.
Os deuses, além de ter forma humana, tinham sentimentos humanos como amor, inveja, traição, ira, entre outros. Suscetíveis a esses sentimentos, era comum os deuses se apaixonarem por humanos e com eles terem filhos. Alguns heróis da Mitologia Grega eram filhos de deuses e humanos. Os deuses, diferentes de seus filhos, eram imortais.
Os deuses do Olimpo são os deuses mais poderosos dos vários grupos de deuses. Os deuses do Olimpo se dividem em várias classes. A classe superior é formada pelos seguintes deuses:
Zeus – governante dos demais deuses.
Hera  – deusa que protegia casamentos (irmã e esposa de Zeus).
Apolo – deus da luz, poesia e da música.
Atena – deusa da sabedoria.
Afrodite – deusa do amor e da beleza.
Ares – deus da guerra.
Poseidon – deus do mar
Hefesto – deus do fogo
Ártemis – deusa da caça
Héstia – deusa do coração e da chama sagrada
Hermes – mensageiro dos deuses
Deméter – deusa da agricultura.
Hermes – mensageiro dos deuses.
A classe inferior dos deuses é formada por:
Hades – deus dos infernos (irmão de Zeus)
Dioniso – deus do vinho, em algumas regiões era tão importante quanto Zeus.
Pã – deus das florestas.

As ninfas eram consideradas as guardiãs da natureza e as musas, representavam as artes e as ciências.
Os heróis, seres mortais, alguns filhos de deuses com humanos, são muito importantes na mitologia grega. Os de maior destaque são:
- Jasão
- Teseu
- Édipo
- Agamenon
- Menelau
- Ulisses
O principal herói grego é Heracles, ou em romano, Hércules. Ele era filho de Zeus e Alcmena.
A Mitologia Grega pode ser observada em vários filmes, que buscam retratar a Grécia Antiga e seus personagens fantásticos.
Portanto a mitologia faz parte da história da humanidade tanto no passado como forma de explicação da vida e das perguntas humanas, como faz parte da história do presente como forma de enriquecimento cultural através de filmes e livros, por esses motivos muitos hoje tem ganhado muito dinheiro com a mitologia, outros escritores usam de uma linguagem mitologia para a produção de belos romances de aventura como Harry Potter e senhor dos anéis que usa da mitologia nórdica para a construção de uma fantástica história que virou filme e ganhou diversos prêmios entre esses 11 Oscar no ultimo filme da serie.


domingo, 8 de janeiro de 2012

A Reforma e Contra Reforma


A Reforma e Contra Reforma



Por: Bruno Ferreira

Martinho Lutero em 31 de outubro de 1517 afixou um documento com 95 teses na porta da igreja da cidade de Nuremberg tratava de um protesto contra a igreja católica e a venda de indulgencia, esse ato foi catalizador de um movimento que propunha a reforma da igreja católica.
Lutero continuou a atacar a igreja católica e muitos dos seus dogmas e mais tarde Martinho fundou uma igreja autônoma. Os seus ensinamentos agradaram os príncipes da Alemanha que se opunham ao domínio imperial, eles escreveram uma carta contra o imperador e a favor de Lutero aos poucos os estados autônomos da Alemanha foram adotando o luteranismo o imperador não foi capaz de vencer os reinos rebeldes, e mais tarde o imperador Carlos V foi forçado a assinar o tratado de  paz a onde ele passou a tolerar o Luteranismo.
Lutero a apesar de ser sempre a favor de suas idéias tinha horror da violência que seu grupo pregava, surgiram outros reformadores com idéias mais violentas como João Calvino esse firmou suas idéias na escócia e nos países baixos, e nesse meio termo o Luteranismo se espalhava da Alemanha para a Escandinávia, desta forma a igreja católica estava diante de uma crise.
A contrareforma
O catolicismo sobreviveu apesar das varias crises e reformulou sua doutrina como também sua política esse episodio era conhecido como contrareforma, a igreja reformou antigas ordens religiosas e criou novas conhecidos como jesuítas que estabeleceu influenciam nas escolas.
Outro fator que fez o protestantismo aumentar rapidamente foi o uso da imprensa e na edição de varias bíblias que possibilitou melhor entendimento da palavra de Deus e um enfraquecimento do poder do padre nas suas comunidades a conversão para o protestantismo foi muita rápida com esse novo conhecimento.


quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

2011 - Retrospectiva Uma analise do ano que se foi


2011 - Retrospectiva
Uma analise do ano que se foi



Por: Bruno Ferreira

O ano de 2011 passou por nossas vidas de uma forma rápida esse ano no ponto de vista internacional político ocorreu a crise na Europa que fez ocorrer varias transformações e crises n economia européia de tal forma que conseguiu abalar a economia mundial, a Grécia quebrou Portugal, Espanha e Itália estão no mesmo caminho, na Itália até Silvio Berlusconi primeiro ministro renunciou ao cargo.
Na Inglaterra vimos o casamento do príncipe Willian segundo na linha de sucessão ao trono britânico dando um rápido giro no mundo na Ásia no arquipélago do Japão o ano começou com um enorme terremoto que fez abalar todo Japão e destruir cidades, mas com rápida organização o Japão conseguiu reconstruir o pais.
No Brasil vemos que a economia resistiu a pressão internacional, mas o crescimento do PIB foi baixo, esse ano que se foi vimos o governo da primeira mulher presidente ela conseguiu fazer um bom governo até agora mas a política e a corrupção continuaram a mesma vários ministros caíram entre eles Antonio Palocci.
Na áfrica principalmente entre os povos árabes ocorreu a primavera árabe fenômeno que fez cair ditadores nessa região cair dos governos os principais do Egito e o soberano da Libia Muamar Gadafi que foi pego e morto pelos rebeldes.
Na tecnologia não ouve uma grande mudança, mas a morte do que fez o computador evoluir e ganhar o mundo Steve Jobs morre deixando um grande legado na sua área.
No campo da cultura o Brasil fez acontecer novamente um grande show de Rock no Rio de Janeiro o festival Rock Rio que voltou ao rio de janeiro depois de vários anos trazendo artistas e roqueiro da musica internacional, no esporte o Brasil fez bonito no pan americano do México e conquistando varias medalhas. Este ano que passou ocorreu muito outros acontecimento de grande importância mas o mais relevante sem duvida para o ano será no campo da ecônomia com a quebra dos países da zona do Euro como a Grecia que fez afetar o sistema capitalista financeiro internacional.

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Desenvolvimentos Diferentes: Estados Unidos x Brasil


Desenvolvimentos Diferentes:
Estados Unidos x Brasil



Por: Bruno Ferreira

Ao longo da história percebemos que o desenvolvimento dos estados unidos foi muito mais acelerado em pouco tempo do que o Brasil, muitos historiadores dizem que o desenvolvimento deve-se ao fato de que as 13 colônias eram de povoamento e o Brasil era uma colônia de exploração está tese também faz parte do rápido desenvolvimento americano, mas não é a única.
Quando as 13 colônias inglesas iniciaram a guerra e o processo de independência metade de suas colônias produzia para o mercado externo e eram colônias de exploração estavam localizadas ao sul dos o norte e o centro tinha uma forte imigração protestante vindo da Inglaterra em sua maioria pela perseguição religiosa e também Irlanda, Holanda e Alemanha.
Essas famílias apesar de serem pobres eram alfabetizadas e tinham certo grau de independência no seu trabalho logo formaram a elite norte americana e pediram a independência das treze colônias de inicio essa foi à primeira etapa de um rápido desenvolvimento depois ocorreu à guerra entre o norte e o sul nos estados unidos e o norte ganhou e rapidamente colocou a política de desenvolvimento e expansionismo nos Estados unidos anexando os territórios a oeste e comprando parte da França em pouco tempo o mundo percebia que os Estados unidos seriam uma forte potencia outra política que possibilitou o avanço Norte Americano foi uma reforma agrária para as famílias formando rapidamente uma sociedade com objetivos de igualdade.
Bem ate agora falamos alguns dos motivos que proporcionou os E.U.A a tornar –se  uma potencia o Brasil sempre foi uma colônia de exploração e ao contrario dos E.U.A a maioria dos colonos eram homens que vinham aqui pagar pena já que eram presos de Portugal a colonização portuguesa foi extremamente extrativista os colonos que aqui chegavam não vinha a hora de ir embora nos primeiro 30 anos o Brasil não foi colonizado foi a partir de supostas invasões francesas que os portugueses deram conta que poderia perder o Brasil e assim mandaram expedições patrulhas na costa mas a colonização no Brasil sempre foi centralizada e vinda da coroa portuguesa nos seus primeiro 300 anos o Brasil era nada alem do que uma grande fazenda produtora de cana e outros bens agrícolas a partir de 1808 isso mudaria por que a corte portuguesa seria transferida para o Brasil e assim proporcionou um avanço do Brasil criando banco, imprensa entre outros deste modo a vinda da família ajudou a construir em muitos aspectos o Brasil que temos hoje evitando também nesse processo a fragmentação como ocorreu na America espanhola quando Dom João deixou o Brasil em 1821 um ano depois D. Pedro I seu filho fez a independência do Brasil pressionado pela elite aristocrata da época mas o Brasil era grande territorialmente mas tinha um forte analfabetismo e a pobreza era enorme.
O Brasil era o único pais das Américas que fez a independência e virou uma monarquia entre outros fatores a economia brasileira era fortemente endividada nesse ponto percebemos que os estados unidos estavam quase 100 anos a frente brasileira quando o Brasil chegou finalmente a republica em 1889 os Estados Unidos já eram a 100 anos eram certamente uma forte potencia nas Américas.
Portanto percebemos que o fato da independência do e evolução dos Estados Unidos está atrelado a um processo político e autônomo da colônia onde a elite americana pensou em ser um pais grande e poderoso para isso fizeram varias reformas e guerras.
Enquanto no Brasil a falta de democracia e participação popular e o pouco grau de estudo e uma elite que pensava em ser cada vez mais rica num pais de pobres sem um projeto político os latifúndios foram e são a locomotiva de produção de riqueza enquanto a maioria da população era analfabeta, no século XX o Brasil deu grande passo para ser um pais mais justo e no final do século e incio do século XXI o Brasil vem crescendo e tornando-se um pais mais justo com uma economia diversa e uma política corrupta mas nacionalista e democrática, os estados unidos no século XX tornou-se a grande potencia mundial e ficou sendo absoluta com o fim da U.R.S.S.