Redes Sociais

Anuncio

Celular

Operação Salva Semestre

Celular

Quanta Gente.

Pesquisar neste blog

terça-feira, 30 de abril de 2013

Seculo XIX - A Construção do Brasil - 1808 - 1822 - 1889





Por: Bruno Ferreira

A presente pesquisa mostra os principais fatos que contribuíram para a construção do Brasil da chegada da família real portuguesa, passando pelo processo da independência e chegando a Republica do Brasil.
Para melhor compreensão, far-se-á necessário uma breve introdução.
Quando olhamos para a história do Brasil logo vemos vários fatos que marcaram a construção de um país que foi concebido para ser uma grande empresa de fornecimento de matéria prima.
Com uma política totalmente mercantilista Portugal juntamente com a Espanha foi um dos últimos países a sair do sistema capitalista mercantilista, pensavam estes que iriam viver para sempre das riquezas vindas das colônias, mas quando Napoleão tornou-se senhor da Europa ele conquistou esses países e fez com que a História do Brasil fosse com isso  influenciada pela chegada da família real portuguesa ao Brasil, está que esta fugindo do imperador Napoleão Bonaparte.
Ao chegar ao Brasil a família portuguesa trouxe consigo sua tradição, cultura e modo de viver trouxe com ela o que tinha e poderia carregar e sua política de aliança com a Inglaterra obrigou a aproximar-se ainda mais. Com a chegada da corte a Salvador na Bahia o rei assinou o documento em que  abrindo os portos as nações amigas. Essa Medida iria beneficiar ainda mais a Inglaterra e sua crescente indústria.
Ao longo da passagem da Corte Portuguesa ao Brasil o pais transformou em reino unido sua estrutura modificou nas esferas, sociais, políticas, culturais e econômicas possibilitando maior visibilidade no cenário mundial, com a queda de Napoleão do cenário mundial. A Inglaterra ficou detentora dos poderes globais, o Rei português queria ficar no Brasil mas com revoltas ocorrendo em Portugal o rei retorna ao Brasil e deixa nas mãos de seu filho D. Pedro o comando do país, deixando claro que se fosse fazer o processo de independência deveria ser feito pelas mãos de D. Pedro, foi o que aconteceu o príncipe pede independência por pressões internas e pelos arranjos políticos de  José Bonifacio D. Pedro torna-se o primeiro governante do Brasil independente tornando-se imperador do Brasil já que o Brasil vira uma Monarquia após a sua independência.
Após algum tempo o Rei D. João Morre e deixa o trono vago em Portugal obrigando a volta do imperador D. Pedro I, deixando no lugar o seu sucessor o filho que na época tinha 7 anos, mas que não poderia assumir o trono por conta da sua idade, ficando este período da historia do Brasil conhecido como período regencial onde regentes controlaram a política do Brasil.
Com o golpe da Maioridade D. Pedro II torna-se o segundo monarca do Brasil este que iria controlar a política do Brasil durante varias décadas, ate o seu fim com a chegada da Republica, isto só aconteceu por questões política, econômicas e sociais ao final do seculo XIX o Brasil era uma das ultimas republicas da America composta por libertadores Aristocratas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário