Redes Sociais

Anuncio

Celular

Operação Salva Semestre

Celular

Quanta Gente.

Pesquisar neste blog

terça-feira, 14 de maio de 2013

A Independência dos Estados Unidos




Por: Bruno Ferreira


O processo de independência dos estados unidos influência e modifica a história posterior construindo um pais livre e independente na America baseado com ideias iluministas as treze colônias surgem em um cenário de transformação.
as colônias estavam sendo exploradas pela metrópole inglesa e com a influencia das ideias iluministas vinda da França, nascia no novo mundo a primeira nação independente do mundo a primeira constituição a primeira democracia.
Este processo começa com o fim da guerra dos sete anos, a metrópole inglesa sai da guerra fraca e com isso começa explorar ainda mais as treze colônias norte americanas.
As colônias inglesas sempre existiram um forte sentimento de construção de um novo pais e de liberdade influenciado pela religião protestante, nas colônias inglesas haviam uma divisão de sul e centro norte, no sul as colônias eram semelhantes as colônias sul americanas e no norte as colônias tinham uma economia subsistente.
Para recuperar a economia inglesa a Inglaterra criou impostos e tarifas vejamos:
  Lei do açúcar – 1764 estabelecia proibição de importação rum estrangeiro e cobrava taxas.
  Lei do Selo – 1765 cobrava taxa sobre diferentes documentos comerciais jornais livros e anuncio.
  Lei dos alojamentos – 1765 exigia que os colonos americanos fornecessem alojamentos e alimentação as tropas inglesas.
  Lei do Chá – 1773 concedia o monopólio da venda do chá nas colônias a companhia da índias orientais
  Revolta os comerciantes destruíram navios
  Leis intoleráveis para conter o clima de revolta o fechamento do porto de Boston e autorizava o governo inglês
  No dia 05 de setembro foi realizado o primeiro congresso de Filadélfia contando com a participação das 13 colônias
  Documento de protesto
A Inglaterra não estava disposta a concessões Iniciou desta forma a Guerra na Batalha de Lexington. 19 de abril de 1775
Em maio de 1775 realizou se o segundo Congresso da Filadélfia que declamou os cidadãos as armas. O comando estava nas mãos de George Washington – comandante das tropas americanas no dia 4 de Julho de 1776 declaração de independência dos E.U.A Inspirado nas idéias iluminista de liberdade individual e respeito aos direitos fundamentais do ser humano.



Trecho da declaração de independência

Todos os homens são criados iguais e são dotados pelo criador de certos direitos fundamentais, como a vida, a liberdade e a busca da felicidade.
Para Assegurar tais direitos, são instituídos governos entre os homens. O justo poder desses governos deriva do consentimento dos governos. Todas as vezes que qualquer forma de governo torna-se destrutiva desses objetivos, é direito do povo alterá-los ou aboli-la.
Etapas da guerra
  70 Mil Mortos
  Primeira etapa 1775 – 1778 – período de luta sozinha
  Segunda etapa 1778 – 1781 – ajuda financeira e tropas de aliados como França, Espanha e Holanda
  Vitoria Americana.
  17 de setembro d 1787 proclama-se a Constituição
  Pontos fundamentais
  Tipo de Estado – Federativo presidencialista
  Cidadania – liberdade de expressão
  Tripartição dos poderes – poderes executivo, judiciário, legislativo.
  Executivo – chefe presidente o primeiro foi George Washington.( 4 Anos)
  Poder Legislativo – congresso – câmara dos representantes e senado (2 anos e 6 anos)
  Poder Judiciário – suprema corte que faz cumprir as leis e normas da constituição.
  Dupla face no processo histórico
Podemos dividir a independência dos Estados Unidos em duas etapas:
Plano Interno – não significou a liberdade de todos a escravidão continuou e somente ocorreria na guerra de sessão.
Plano  Externo – propuseram apresentar – se como defensores da  democracia e da liberdade mas foram assumindo, na pratica uma política imperialista de dominação negando os valores que defendia.
Como primeira Nação independente  passara a impor seus interesses econômicos e obstruir processos de independência na America e aprisionando
Portanto o processo de independência dos Estados Unidos foi sangrento doloroso e idealizado por sua população que queria construir um novo mundo baseado na fé cristão protestante fazendo de homens verdadeiros ideais de cristo, utilizando para isto o capitalismo livre e os direitos individuais essa ideias influenciaram toda o continente americano, mas estas ideias nem sempre foram de toda forma implementado nas novas repúblicas latino-americana pois preservava o caráter escravista, mas até mesmo nos Estados unidos essa caráter foi preservado apenas com a guerra civil americana e com a luta de Abraham Lincon que se deu o processo de emancipação dos negros na America Inglesa.


Nenhum comentário:

Postar um comentário