Redes Sociais

Anuncio

Celular

Operação Salva Semestre

Celular

Quanta Gente.

Pesquisar neste blog

terça-feira, 1 de abril de 2014

Ditadura de 1964 a 1985





Por: Bruno Ferreira

A História do Brasil é marcada por lutas, guerras e conflitos e também por períodos onde a democracia foi banida para dar lugar de uma falsa liberdade, ditada em nome do bem comum esse período foi o mais horrível politicamente.
Recapitulando a história vemos nascer um breve período democrático e populista com a chegada ao poder democraticamente do pai dos pobres, Getúlio Vargas, após sua morte toma posse por meio de eleições diretas o presidente que ficaria para história pelo seu modo carismático e desenvolvimentista Juscelino Kubichek de Oliveira, após o Brasil ter um período de grande desenvolvimento chega ao poder para varrer a sujeira o populista Jânio Quadros.
Jânio Quadro enfrentando problemas de ordem política pede renúncia e o vice João Goulart assume o poder em meio a muita desconfiança por parte dos militares, Jango entra em confronto com a sociedade tradicional e com os setores conservadores por meio de aproximação as ideias socialistas da URSS, com isso no famoso comício da Central do Brasil no Rio de Janeiro, a partir daí o seu fim como Presidente do Brasil está próximo, ele é deposto pelas forças armadas apoiadas pelos E.U.A, nesse momento o mundo estava em plena Guerra Fria.
Durante 21 anos o Brasil viveu um período de muitos conflitos e discórdia no campo político, repressão por parte dos militares e conflitos contra os guerrilheiros do Araguaia, o Brasil vivia economicamente bem com altas taxas de crescimento, mas o povo continuava a ficar pobre.
No campo artístico e social a sociedade vivia em plena repressão por meio de forte censura, os filmes, revistas, jornais e programas passavam por forte repressão e censura do estado controlando o que devia ou não ser publicado ou dito tirando o direito de expressão.
Após anos de repressão, censura e falsos presidentes no poder o Brasil encontra por força da sociedade a abertura política a anistia é promulgada e muitos exilados voltam ao Brasil, eleições surgem e fica eleito indiretamente por meio do congresso o Presidente Tancredo Neves, esse não assume o cargo e chega ao poder José Sarney.
Após 50 anos do golpe e 21 do seu fim o Brasil vê um grande período de resgate de sua memória através da mídia e da memória resgatada através de livros e documentos e também  da recente criada comissão da verdade, está que foi criado pelo governo de Dilma Rouseff,  buscando revelar os crimes cometidos por militares no período que ocorreu a ditadura no Brasil.



Nenhum comentário:

Postar um comentário