Redes Sociais

Anuncio

Celular

Operação Salva Semestre

Celular

Quanta Gente.

Pesquisar neste blog

domingo, 11 de outubro de 2015

As guerras pela Independência do Brasil





A Independência havia sido proclamada, mas nem todas as províncias do Brasil puderam reconhecer o governo do Rio de Janeiro e unir-se ao Império sem pegar em armas. As Províncias da Bahia, do Maranhão, do Piauí, do Grão-Pará e , por último, Cisplatina, dominadas ainda por tropas de Portugal , tiveram que lutar pela sua liberdade, até fins de 1823.Na Bahia, a expulsão dos portugueses só foi possível quando Dom Pedro I enviou para lá uma forte esquadra comandada pelo almirante Cochrane, para bloquear Salvador. Sitiados por terra e por mar, as tropas portuguesas tiveram finalmente que se render em 02 de julho de 1823.Após a vitória na Bahia, a esquadra de Cochrane, seguindo para o norte, bloqueou a cidade de SãoLuís. Esse bloqueio apressou a derrota dos portugueses não só no Maranhão, mas também no Piauí.Do Maranhão um dos navios de Cochrane continuou até o extremo norte, e, ameaçando a cidade de Belém, facilitou a rendição dos portugueses no Grão-Pará.No extremo Sul, a cidade de Montevidéu, sitiada por terra e bloqueada por uma esquadra brasileira no rio do Prata teve de se entregar.Com o reconhecimento da Independência pela Cisplatina completou-se a união de todas as províncias, sob o governo de   Dom Pedro I, firmando assim o Império Brasileiro. (Ver: Guerras da Independência do Brasil)

Nenhum comentário:

Postar um comentário